Agência missionária envia contêineres com Bíblias para o Malawi


A Mission Cry enviou contêineres com Bíblias para o Malawi. (Foto: Reprodução/MNN)
A Mission Cry enviou contêineres com Bíblias para o Malawi. (Foto: Reprodução/MNN)

De acordo com a Mission Cry — agência missionária internacional que evangeliza através da distribuição de literatura cristã gratuita — Deus não se esquece de nenhum povo, nem mesmo aqueles que vivem nos países mais remotos.

Sobre o Malawi, o presidente da agência comenta: “É um país que as pessoas esquecem por causa de seu tamanho, mas Deus não se esqueceu”, disse Jason Woolford.

Ele conta que, recentemente, recebeu um pedido vindo de Malawi — os cristãos estavam necessitados de Bíblias — e Jason ficou preocupado por não existir um meio de enviá-las para lá.

Segundo Jason, a Mission Cry envia Bíblias e livros cristãos usados para todo o mundo através de contêineres. Mas, no caso de Malawi, ficou sem saber o que fazer.

“Eu disse a eles que realmente não poderíamos enviar as Bíblias para lá. Não tem litoral e não temos ninguém que possa ajudar a liberar um contêiner”, explicou.

Então, inesperadamente, algo aconteceu. “Dois dias depois, recebemos um pedido de contêiner e veio de alguém do Malawi”, relatou.

O mais interessante, porém, é que o pedido veio da mesma região onde o pedido por Bíblias foi feito. “Então, tomamos isso como um sinal de Deus e enviamos aquele contêiner com as Bíblias solicitadas.

Conforme Jason, é extrema a necessidade de Bíblias por parte dos cristãos no Malawi. “Desde o pedido deles, já enviamos mais dois contêineres marítimos para o Malawi, este ano”, revelou.

Projeto evangelístico no Malawi

Em apenas três anos, uma aldeia remota no país que não tinha acesso à alimentação, itens básicos de higiene, energia e água potável, foi completamente transformada.

Com o início do Projeto Umodzi, toda a comunidade de Hatone foi impactada. O projeto é coordenado pelo pastor Marcos Corrêa, diretor do Guiame e coordenador de Ação Social da Missão Mãos Estendidas (MME), da qual o projeto faz parte.

Ele esteve em Malawi em junho e acompanhou de perto a mudança na vida de crianças e adolescentes locais.

“Pela graça de Deus, a realidade foi mudada neste local por pessoas generosas, que entenderam o chamado”, disse o pastor Marcos durante sua visita à aldeia, na província de Chikwawa.

O Projeto Umodzi é um braço da Missão Mãos Estendidas (MME), que atua há mais de 20 anos em Moçambique, Malawi, Zimbabwe e Zâmbia, capacitando pastores e missionários e atendendo a população carente.

“Ver esse ambiente de transformação é impactante. Esse se tornou um local de adoração a Deus. É precioso ver a transformação social e espiritual. Emociona!”, declarou o pastor Elias Caetano, presidente da MME.

Fonte: Guia-me com informações de MNN



Loading...

Este site usa cookies para melhorar sua experiência. Vamos supor que você esteja bem com isso, mas você pode optar por não participar, se desejar. Aceito Leia Mais