Pastor é preso suspeito de abusar sexualmente das quatro filhas


Homem de paletó e gravata com algemas (ilustração)
Homem de paletó e gravata com algemas (ilustração)

Um pastor evangélico foi preso suspeito de abusar sexualmente das quatro filhas na manhã da quarta-feira (24), em Portão, no Rio Grande do Sul.

Segundo informações do portal Jornal VS, a prisão ocorreu no bairro São Jorge. De acordo com o delegado Marco Mesquita, as vítimas são duas gêmeas de 12 anos, e duas adolescentes, de 15 e 17 anos.

Ainda segundo informações, a filha mais velha teria engravidado do pai após os abusos. A criança hoje tem 11 meses de vida.

Conforme Mesquita, a Polícia chegou até o suspeito por meio de uma denúncia anônima feira ao Disque 100 do Ministério da Justiça.

Ao ser interrogado, o investigado confessou ter abusado apenas da filha de 17 anos, alegando que ela queria manter relações com ele.

Em depoimento, a mãe das meninas, de 45 anos, admitiu que sabia dos abusos, mas que nada fez para impedir. A Polícia Civil também pediu pela prisão preventiva da mulher, mas ela não foi decretada.

“Ela (a mãe das meninas) inclusive admitiu ter presenciado a vítima de 12 anos chorando após ter sido abusada pelo pai, há três meses, e viu o suspeito saindo do quarto da adolescente, filha de ambos”, disse o delegado.

“O Ministério Público opinou favoravelmente ao pedido de prisão preventiva, que foi acolhido apenas em relação ao suspeito/pai. Quanto a mãe, foi determinado seu afastamento em relação às quatro filhas/vítimas, as quais, juntamente com o bebê, receberam acolhimento institucional”, concluiu Mesquita.

Segundo a Polícia, o preso já possuía antecedentes policiais por abusos em 2002 e 2007 nas cidades de Humaitá e Estrela.

Fonte: TV Jornal



Loading...

Este site usa cookies para melhorar sua experiência. Vamos supor que você esteja bem com isso, mas você pode optar por não participar, se desejar. Aceito Leia Mais