Pastor Ed René Kivitz critica evangélicos bolsonaristas e alerta sobre “um outro Evangelho circulando pelo nosso país”


Pastor Ed Rene Kivitz
Pastor Ed Rene Kivitz

Durante o culto da Igreja Batista de Água Branca (IBAB) do último domingo (17), o pastor Ed René Kivitz citou o assassinato cometido por um policial bolsonarista no dia 9 de julho e criticou abertamente os evangélicos que apoiam o governo atual.

Ed René diz que se surpreendeu ao entrar no Instagram do policial e ler na biografia a frase “Brasil acima de tudo, Deus acima de todos”.

“Esse assassinato do tesoureiro do PT no Sul é escandaloso. E eu fui ao Instagram desse criminoso assassino e lá está escrito: Brasil acima de tudo, Deus acima de todos. Eu não imagino Jesus entrando numa festa de aniversário dizendo: ‘aqui é Jeová’ e pá [símbolo de tiro]. Não imagino Jesus no Getsemani, quando os soldados romanos chegaram, Jesus dizendo: ‘aqui é Jeová’ e corta a orelha de todo mundo. Você imagina Jesus diante daquela mulher flagrada em adultério dizendo: ‘aqui é ordem, dona, acabar com essa bandalheira de adultério’. Você não imagina porque a Bíblia diz inclusive que não foi isso que ele fez”, disse Kivitz.

O líder da IBAB, instituição com mas de 200 mil inscritos no YouTube, frisou que a violência não foi a conduta que Jesus Cristo adotou quando viveu entre os homens. “A Bíblia diz inclusive que não foi isso que Ele fez”, endossou na pregação.

Kivitz ainda revelou que pensa na possibilidade de ser atingido por um tiro dentro da própria igreja por um fiel bolsonarista:

“Você entendeu que não pode matar pessoas, nem mesmo em nome de Deus e de suas ideias? Eu fico pensando, daqui a pouco levanta um sujeito aqui [na igreja], um evangélico, e diz: ‘pastor, aqui é Deus acima de todos’ e pá [gesto de tiro] em mim”.

“Por quê? Porque existe um outro Evangelho circulando pelo nosso país. Um outo evangelho que é um evangelho das ideias, o evangelho da ordem, do ‘aqui nós vamos colocar as coisas nos devidos lugares e se precisarmos matar você para fazer isso, a gente mata’. Isso é outro evangelho. Isso é desarrumar a realidade”.

Kivitz ainda falou da importância de seguir a Jesus e de amar ao outro como o próprio faria.

Folha Gospel com informações de TV Jornal e Fuxico Gospel



Loading...

Este site usa cookies para melhorar sua experiência. Vamos supor que você esteja bem com isso, mas você pode optar por não participar, se desejar. Aceito Leia Mais