Sara Nemer, mãe do humorista Jonathan Nemer e da cantora Rebeca Nemer, testemunha cura da Covid


Sara Nemer no hospital com Covid-19 e meses após receber alta hospitalar (Foto: Captura de tela/YouTube Comunidade Ágape)
Sara Nemer no hospital com Covid-19 e meses após receber alta hospitalar (Foto: Captura de tela/YouTube Comunidade Ágape)

Sara Nemer, a mãe do humorista Jonathan Nemer e da cantora Rebeca Nemer, que quase morreu após contrair Covid-19, deu seu testemunho no último domingo (10), na Igreja Comunidade Ágape.

O humorista disse que “muita gente não tem noção da dimensão do milagre” e, por isso, mostrou um vídeo com todos os detalhes, antes que sua mãe começasse a testemunhar.

Ela iniciou agradecendo a todos os que oraram pela sua vida e disse que pensava que ficaria uns 3 ou 4 dias internada, no máximo uma semana. “Mas eu fiquei 203 dias internada [quase 7 meses]”, disse ao lembrar o que passou de abril de 2021 até o momento.

“Acordei três meses depois que fui entubada, foram momentos difíceis. Mas eu descobri o quanto meus filhos e os irmãos me amam”, disse ao compartilhar que teve muitos pesadelos relacionados à morte durante esse período.

“Interessante que, durante os pesadelos eu orava e pensava: Nossa, sou muito crente, porque até no pesadelo estou orando”, disse rindo com as pessoas que a ouviam.

“Eu orava para Deus me dar fôlego, vida e ar”, compartilhou ao dizer que viu sua oração ser transformada em música. “É impressionante, eu ouvia a música e parecia eu orando”, disse ao se referir à nova canção de Paulo César Baruk. O cantor que estava presente no momento do testemunho, cantou a música “Renovo”, ao vivo.

“Sou um milagre e estou aqui”

Ao agradecer a Deus, Sara também disse: “Sou um milagre e estou aqui”, enquanto Baruk continuou cantando. “Aquilo que parecia ser minha morte, mas Jesus mudou minha sorte, sou um milagre, estou aqui”.

Sara e o filho explicaram que ela ainda está em tratamento, fazendo fisioterapia e necessita de oxigênio para dormir. Porém, ela se declara curada e feliz por ter vivido um milagre. “Eu agradeço a Deus”, resumiu.

Sara Nemer no hospital. (Foto: Captura de tela/YouTube Comunidade Ágape)

O humorista finalizou com uma pregação e deu alguns detalhes sobre os momentos difíceis que viveu. “A primeira grande luta foi quando o hospital ligou dizendo que minha mãe poderia morrer a qualquer momento por conta de uma bactéria super resistente. Os órgãos dela estavam parando”, lembrou.

“Ouvir aquilo foi desesperador”

Jonathan disse que ouvir aquela notícia, no sábado de manhã, foi algo extremamente difícil. “Ouvir aquilo foi desesperador, minha mãe poderia morrer a qualquer minuto”, destacou.

No auge do desespero, o humorista disse que chamou os irmãos da igreja para orar: “Foi a primeira vez que o Ágape se reuniu como um exército na porta de um hospital. Foi muito lindo, porque tinha ali pessoas de outras igrejas manifestando o mesmo amor ágape”.

“E para a glória de Deus, o milagre foi feito. Essa foi a nossa primeira vitória”, contou e detalhou todas as outras durante seu testemunho. “O que vivemos foi por conta do Autor do ágape, do amor divino incondicional. Deus é lindo demais”, concluiu.

Assista na íntegra:

Fonte: Guia-me

SIGA O FOLHAGOSPEL NO INSTAGRAM: @FOLHAGOSPEL



Loading...

Este site usa cookies para melhorar sua experiência. Vamos supor que você esteja bem com isso, mas você pode optar por não participar, se desejar. Aceito Leia Mais